Saiba como funciona o processo de tomada de decisão na Comunicação

Aprofunde seus conhecimentos profissionais com nossos artigos ricos e gratuitos.

O processo de tomada de decisão é um desafio que permeia a rotina de líderes e equipes para fazerem escolhas assertivas dentro do negócio. Para isso, é importante considerar diferentes tipos de dados que ajudem a vislumbrar o cenário atual e como melhorá-lo a partir de novas ações.

Quando se trata de alinhar as ações de comunicação, visto que estamos em meio a uma transformação digital constante, a estratégia deve ser flexível e adaptável. Afinal, diferentes redes sociais surgem a todo momento e diariamente são gerados 2,5 quintilhões de bytes de novos dados, segundo a Business Software Alliance.

E por falar nisso, você sabe como alinhar todas essas informações para chegar a uma tomada de decisão assertiva? 

Se a resposta for negativa, não se preocupe. Neste blog post explicamos como funciona esse processo a partir de dados, quais são as etapas e como conseguir resultados positivos. Continue a leitura!

Quais dados de Comunicação são importantes no processo de tomada de decisão?

Se a sua empresa faz a análise de dados em diferentes setores do negócio, já está um passo à frente para um processo de tomada de decisão mais assertivo. Mas isso ainda não é suficiente se toda a área da Comunicação não for data driven. 

No mundo todo, 80% dos profissionais de marketing tomam decisões a partir da análise de dados internos e externos, segundo pesquisa da USC Annenberg. Planos de ação e estratégias são embasados com informações precisas, muitas vezes extraídas de sistemas que combinam Big Data e ciência de dados, por exemplo.

Em departamentos de Comunicação Corporativa e Relações Públicas, porém, essa nem sempre é a realidade. Tanto é que, ainda segundo a USC Annenberg, 56% dos profissionais dessas áreas dizem ainda ter dificuldade para escolher as métricas que devem adotar.

Vale mencionar que, em um processo de tomada de decisão, a falta desses insumos pode ser determinante. Sendo assim, que tal conhecer alguns dos principais dados da comunicação para termos uma ideia de como cada um pode ajudar nesse processo? Confira!

Menções

Quanto mais pessoas falam sobre sua marca, mais conhecida ela é. É importante destacar, porém, que quantidade não necessariamente é qualidade. Os profissionais da área devem analisar o teor das citações – promotoras, neutras ou detratoras – não apenas para comprovar o ROI, mas também para respaldar decisões estratégicas.

Buscas pela marca

A quantidade de vezes que a marca é buscada pelas ferramentas de pesquisa, como o Google, também é um excelente medidor. Essa métrica pode mostrar o quanto o público na internet enxerga a empresa e seus serviços como uma solução relevante. 

Conversões e desempenho de vendas

Talvez você não saiba, mas outro dado importante diz respeito ao acompanhamento do cliente — desde o momento em que se tornou lead até efetuar a compra. Ou seja, conhecer o trajeto do consumidor no funil de vendas

Com essa informação em mãos, fica mais claro quais tipos de ações de comunicação podem ser adotadas para conduzir o cliente em sua jornada.

Engajamento 

As chamadas “métricas da vaidade” como curtidas, comentários, alcance, impressões e compartilhamentos indicam o engajamento dos seus seguidores nas mídias sociais da empresa. Com elas, é possível entender melhor os hábitos e preferências do seu público. 

No entanto, não caia no erro de usá-las como indicadores de sucesso dos esforços da área de Comunicação sem aliá-las a outros aspectos. Isso porque, sozinhas, elas nem sempre entregam informações consistentes o suficiente para orientar a tomada de decisão.

Análise de concorrentes

Enquanto isso, a análise de concorrência permite que as equipes possam vislumbrar erros e acertos das estratégias dos competidores. Portanto, durante o processo de tomada de decisão, que tal olhar para o que o mercado tem feito?

Afinal, a prática é bastante útil para fazer uma comparação de marcas, oferecendo insumos para que seu negócio fique atento ao sucesso de novas tendências de concorrentes e procure meios de se diferenciar cada vez mais como autoridade no segmento.

[PR] Novas métricas e indicadores de comunicação 3ª edição

Etapas do processo de tomada de decisão

À medida que o trabalho se desenvolve, os dados de comunicação coletados podem ser usados para embasar várias decisões. Conheça a seguir cada uma das etapas:

1. Qual é o problema?

Vamos supor que depois do lançamento de uma nova linha de produtos a recepção não foi tão positiva quanto se esperava. Neste caso, vamos considerar que a solução apresentou similaridades muito fortes com a concorrência, o que gerou críticas negativas para a empresa nas redes sociais. 

Para tentar reverter esse cenário e evitar que a situação afete a reputação da marca, começa a primeira etapa do processo de tomada de decisão: a definição do problema

Nesse caso, é a percepção negativa em relação à nova linha, que não foi bem-recebida pelo público, e publicações detratoras nas mídias sociais. É nisso que a equipe de Comunicação deve se concentrar para reverter o cenário.

2. Dados sobre o cenário do problema

A próxima etapa do processo de tomada de decisão é a análise de dados relacionados ao problema identificado no item 1. A equipe de Comunicação deve reunir quais foram os comentários sobre a nova linha nos veículos especializados de imprensa

Depois, deve-se também monitorar o que foi falado nas redes sociais pelos consumidores, resenhas de influenciadores e de pessoas comuns, quais foram as críticas mais recorrentes, expectativas que o consumidor desejaria alcançar, etc. 

Em cada tipo de feedback (positivo, negativo e sugestão), o time pode identificar argumentos que justifiquem as críticas à nova linha e analisar se é possível e como reverter a impressão negativa criada.

3. Listar as alternativas de solução

Agora que os dados ajudaram a entender o que desagradou em relação à nova linha, é hora de listar as possíveis soluções para o ocorrido. Esse é o momento do processo de tomada de decisão em que entra em ação uma ferramenta importante: o brainstorm.

Sem perder como referência os objetivos do negócio com a nova linha, o gerente de Comunicação deve guiar a equipe para fazer uma troca de ideias e encontrar possíveis soluções.

4. Definir a melhor solução apresentada

Depois do brainstorm, o processo de tomada de decisão segue para a escolha da melhor solução apresentada.

Para que os consumidores percebam melhor o valor da linha, a equipe pode produzir novos conteúdos para reforçar os diferenciais que ela possui. 

A ideia é reforçar a reputação inovadora que a marca sempre teve no mercado e mostrar que isso continua norteando todas as novas criações. 

5. Implementação e monitoramento dos resultados

A etapa final do processo de tomada de decisão é colocar em prática a solução definida no item 4. Os novos conteúdos podem ser distribuídos em diferentes formatos — foto, texto e vídeo — e canais de comunicação para alcançar toda a base de público.

Em paralelo, a equipe de Comunicação acompanha os novos feedbacks, com a ajuda de ferramentas de monitoramento, por exemplo, e analisa se o retorno da audiência está impactando positivamente a reputação da marca ou não.

Nova call to action

Como tomar decisões estratégicas de forma mais assertiva?

Se for executado da forma correta, o processo de tomada de decisão pode ser eficiente e realmente resolver diferentes desafios dentro da área da Comunicação, Relações Públicas e Marketing. 

Para ser o mais assertivo possível, trabalhe com a decisão colaborativa, baseie-se em dados e apoie-se nas ferramentas de comunicação. Afinal, decidir algo usando apenas a intuição não é o caminho mais adequado. 

Além disso, a estratégia de comunicação e os objetivos do negócio precisam ser considerados. Isso porque o cada ação interfere na reputação e no posicionamento da empresa no mercado.

Invista também em um plano integrado de comunicação empresarial e conquiste novos caminhos para o seu negócio. Com metas e objetivos claros, o banco de dados da sua empresa será mais rico e assertivo, colaborando para a tomada de decisões confiáveis.


Sobre a Cortex

A Cortex é a empresa número 1 em soluções de inteligência para crescimento. Caso queira saber como analisar sua reputação e dos concorrentes em todas as mídias online e offline com monitoramento integrado em tempo real, conheça nossa solução de Comunicação e Marketing.

Ou, se preferir, não perca tempo: agende uma conversa com a equipe de especialistas Cortex e traga sua estratégia de comunicação para a era dos dados.


Artigos Relacionados