Conheça 7 indicadores de vendas fundamentais que sua empresa deve monitorar

Aprofunde seus conhecimentos profissionais com nossos artigos ricos e gratuitos.

Monitorar e avaliar o sucesso das estratégias da sua empresa é fundamental para garantir que os processos estão correndo da melhor maneira e que as metas estão sendo atingidas. Neste contexto, os indicadores de vendas são insumos valiosos para o sucesso da área comercial.

Afinal, medir e ter controle sobre as suas ações corporativas é importante para garantir o crescimento e aprimoramento dos serviços e processos de qualquer companhia.

É por isso que 86% dos CEOs afirmam que o uso de ferramentas inteligentes de automação já são práticas recorrentes em suas companhias, segundo uma pesquisa divulgada pela Semrush.

Esse percentual mostra que, na era dos dados, investir em inteligência de vendas é uma oportunidade de utilizar todos os recursos e informações para orientar as tomadas de decisão e monitorar a performance comercial.

Portanto, falaremos um pouco sobre a importância e os benefícios dos indicadores de vendas nesse contexto e quais são os 7 KPIs (indicador-chave de performance, em tradução livre) mais determinantes para avaliar os resultados das estratégias corporativas. Leia até o fim para entender melhor!

O que são indicadores de vendas?

Os indicadores de vendas nada mais são do que as KPIs que apontam a eficiência e o sucesso dos processos na área comercial. Com eles, é possível monitorar o andamento das estratégias das empresas, como:

  • identificar se as metas previstas estão sendo batidas;
  • avaliar os custos financeiros médios para a aquisição de um prospect ou para reter clientes antigos;
  • assinalar o nível de satisfação do cliente com a prestação dos serviços;
  • identificar a quantidade de negócios fechados.

Dessa forma, os gestores podem ter acesso em tempo real aos feedbacks que orientam o processo de tomada de decisão e permitem a correção e o aprimoramento contínuo das estratégias e ações operacionais relativas da área. 

Mas, para isso, precisam investir em soluções que permitam a análise de dados. Isso porque é por meio desse tipo de tecnologia que é possível garantir que as decisões corporativas encontrem respaldo com a realidade e estejam em sintonia com as mudanças constantes de tendências.

Quais os 7 principais indicadores de vendas?

Para ilustrar o conceito e a importância dos indicadores de vendas, selecionamos os 7 principais KPIs que devem ser utilizados pelas empresas para gerenciar o bom andamento da área Comercial.

Vamos a eles!

1. Lifetime value

O Lifetime value (valor vitalício, em tradução livre) é o indicador que diz respeito ao impacto financeiro total que um cliente dedica a uma empresa durante toda sua jornada de compra.

Por exemplo, imagine que ele realizou uma compra em janeiro de R$ 50, outra em junho de R$ 80 e outra em fevereiro do ano seguinte no valor de R$ 120. Dessa forma, o Lifetime value desse cliente é de R$ 250.

Simples, não é verdade? Por isso, ter uma projeção desse KPI de vendas é fundamental para a saúde financeira de uma empresa, pois a partir dele é possível definir os valores alocados para a ações de aquisição de clientes e de campanhas de Marketing para que a companhia não tenha prejuízos.

Veremos a seguir que o lifetime vale é um valor fundamental para outros indicadores de vendas, como o próximo exemplo da nossa lista.

2. CAC

O custo de aquisição de cliente (CAC) é o KPI que diz respeito à razão de valores investidos em ações de Marketing e Vendas em relação ao número de clientes adquiridos durante determinado período pré-definido (um mês, um trimestre, um semestre ou um ano).

Por ele, a empresa consegue monitorar se a quantidade de recursos alocados para conseguir adquirir um cliente é compatível com os resultados esperados.

3. NPS

O Net Promoter Score (NPS) é um dos mais simples, mas também um dos mais importantes indicadores de vendas. Ele resulta basicamente de uma nota de 0 a 10 que o cliente dar como resposta para a seguinte pergunta:

“Em uma escala de 0 a 10, qual a probabilidade de você recomendar nossa empresa para algum amigo?”

Fonte: Shutterstock

De 9 a 10, o cliente é considerado um promotor da marca, enquanto de 0 a 6 ele é um detrator. Enquanto isso, 7 a 8 o define como neutro. 

Por fim, o NPS consiste na subtração do percentual de promotores menos a porcentagem de detratores.

O impacto do KPI na área comercial se justifica porque a satisfação do cliente com a marca geralmente está estreitamente ligada com as estratégias de marketing e vendas.

4. ROI

Similar ao CAC, o ROI (retorno de investimento, em tradução livre) diz respeito à razão entre lucros e receitas líquidas sobre o investimento feito em determinada estratégia.

Esse KPI é popularmente usado em outras áreas, como a Comunicação. Porém também pode ser útil como um importante indicador-chave para medir o impacto financeiro das vendas. 

5. Taxa de retenção de clientes

É fundamental estar atento à taxa de retenção de clientes para garantir a sustentabilidade financeira do negócio. Afinal, é 7 vezes mais caro prospectar novos clientes do que manter os antigos, segundo pesquisa da UFRGS.

Esse KPI é calculado a partir da razão entre a subtração do total de clientes com os clientes perdidos sobre o número total de clientes. Aliás, o dado é fundamental para avaliar o nível de satisfação do seu público a partir do prolongamento do relacionamento comercial com a marca. 

6. Taxa de conversão de leads

A taxa de conversão de leads é fundamental para avaliar a performance da sua equipe de vendas. Esse indicador resulta a partir de uma relação entre a quantidade de oportunidades geradas (por exemplo, pelo preenchimento de formulário em uma landing page) e as que realmente foram convertidas em vendas.

Portanto, ela permite monitorar se seus esforços comerciais estão funcionando corretamente e fazer ajustes estratégicos quando necessário.

[eBook] Enriquecimento de base de leads: como usar para marketing e vendas

7. Taxa de atingimento de resultados

De forma bem simplificada, esse indicador diz respeito ao percentual de alcance das metas pré-definidas pelas equipes de vendas em determinado período de tempo.

O cálculo é simples e permite uma visão geral e ampla da eficiência dos processos e quais são seus pontos fracos. Assim, as ações são continuamente aprimoradas.

Indicadores de vendas: como aplicar na minha empresa?

Por fim, já existem soluções de mercado capazes de aliar inteligência com automação para oferecer os melhores insights e KPIs para tornar mais assertivas e eficazes as ações comerciais da sua empresa.

Por exemplo, há empresas que oferecem ferramentas exclusivas para ensinar sua empresa a escolher e analisar os indicadores de vendas mais alinhados aos objetivos corporativos por meio da coleta e análise de dados em tempo real.

Descubra a solução que melhor se encaixa nos planos da sua empresa e aumente suas vendas!


Sobre a Cortex

A Cortex é a empresa número 1 em soluções de inteligência para crescimento. Caso queira saber como prospectar clientes com inteligência de dados, conheça a plataforma de B2B Sales Intelligence.

Ou, se tiver urgência, não perca tempo: agende uma conversa com a equipe de especialistas Cortex e descubra como economizar centenas de horas dos times de inteligência.


Artigos Relacionados