Data Mining e a Importância nos Negócios

Aprofunde seus conhecimentos profissionais com nossos artigos ricos e gratuitos.

Internet das coisas (IOT), inteligência artificial, machine learning, Big Data… a evolução da internet tem acontecido cada vez mais rapidamente e o ambiente virtual já tomou proporções gigantescas. A cada dia são gerados 2,5 quintilhões de bytes e estima-se que até 2020 as pessoas terão gerado mais de 44 zettabytes* (medida que equivale a um sextilhão de bytes) de dados digitalizados.
A grande questão no momento é:  do que adiantaria todo este volume sem um “filtro” para separar as informações realmente relevantes? Este processo de seleção é chamado de Data Mining.

O termo utilizado para referenciar todos estes dados “disponíveis” na rede é o que chamamos de Big Data, e o conceito de Data Mining surgiu logo em seguida, justamente por esta necessidade da categorização de todos estes dados.

Talvez você não tenha familiaridade com o termo em inglês, mas no Brasil a prática pode ter o nome de prospecção ou mineração de dados e geralmente é feita pela equipe de TI e/ou Business Intelligence (BI) dentro das empresas.

Como funciona o Data Mining e qual sua importância nas organizações?

O Data Mining é o processo de explorar a imensidão de dados disponíveis na rede e “garimpar” insights realmente relevantes. Evidentemente, isso não é feito de forma manual, mas sim através de algoritmos específicos para este fim, técnicas de recuperação de informação, reconhecimento de padrões, inteligência artificial e estatísticas, a fim de retirar algum conhecimento favorável para uma pessoa ou empresa.

A equipe que faz esta mineração de dados utiliza algumas ferramentas e softwares desenvolvidos para auxiliar neste trabalho minucioso, portanto, primeiro é feita uma varredura, onde são retiradas informações de acordo com o a demanda do projeto. Em seguida, os dados encontrados passam por uma curadoria, limpeza e organização. Através do Data Mining é possível extrair dados de segmentos específicos, concorrência, mercado, prospects e muito mais.

Ferramentas de mineração de dados

Como exemplos de ferramentas de mineração de dados, podemos citar o DataBroker e o DataBuilder da ITB, desenvolvidos para potencializar as ações de marketing e vendas das empresas. Ambos fazem parte da Plataforma ITB360 e utilizam o conceito de Data Mining para extrair dados de alta relevância para o usuário construir ou atualizar sua base de dados e listas de clientes já existentes, bem como aumentar seu conhecimento sobre mercados de interesse e principais competidores.

A mineração de dados acontece em tempo real em diversas fontes públicas ao redor do mundo**, por esse motivo as informações entregues são sempre atualizadas, com taxa de assertividade acima de 80%.

A tecnologia está em constante evolução e a maneira de fazer negócios deve acompanhar estas mudanças – hoje em dia, inovação e lucratividade estão cada vez mais relacionadas. Por que não usufruir das facilidades que as ferramentas de Data Mining têm a oferecer?

Entre em contato conosco para saber mais sobre como o DataBroker e o DataBuilder podem te ajudar a construir e atualizar sua base de clientes com apenas alguns cliques!

*Fonte: Pesquisa EMC e IDC

**A ITB é GDPR compliant.


Cadastre-se para receber nossos conteúdos do blog