Como sua empresa lida com dados primários?

Aprofunde seus conhecimentos profissionais com nossos artigos ricos e gratuitos.

Você vai ler sobre:

  • O que são dados primários e qual é a diferença deles para os secundários;
  • Por que os primários são importantes para as empresas;
  • Como usar esse tipo de informação em tomadas de decisão.

O aumento da competição no mercado impõe às empresas parâmetros cada vez maiores de qualidade. Por isso, é preciso aprimorar táticas e entregas para se manter

Essa evolução deve resultar em estratégias eficazes e que promovam uma boa experiência de consumo. Por isso, é preciso buscar informações sobre como o mercado — e o seu público — tem se comportado. Nesse sentido, os dados podem ser muito úteis.

Isso porque as empresas querem conhecer mais seu setor e seus clientes. Portanto, aplicam pesquisas que vão contribuir para a parte estratégica do negócio.

Neste post, você vai entender o que são os dados primários e como eles ajudam na tomada de decisão. Continue lendo para saber mais!

O que são dados primários?

Pesquisas diretas são aquelas realizadas por meio da abordagem de pessoas. O resultado delas são os dados primários. Esses, por sua vez, são informações coletadas diretamente na fonte: um cliente ou fornecedor, por exemplo.

Empresas chegam a esse tipo de dado com a aplicação de formulários ou entrevistas. As respostas são úteis para mapear as necessidades de um grupo em relação a um produto ou serviço.

Esse modelo é uma boa opção para quando as organizações não têm acesso às informações por outros meios. Alguns exemplos são: base de dados interna ou fontes externas.

Em suma, os dados primários são mais específicos. A grande vantagem é que eles trazem mais para perto a realidade do público, o que pode ajudar líderes a tomarem decisões mais consistentes.

Qual a diferença entre dado primário e secundário?

Já sabemos que o dado primário vem direto da fonte de interesse. O secundário, por sua vez, consiste em informações coletadas em pesquisas prontas

Quer um exemplo? Os dados disponíveis no portal do IBGE descartam a necessidade de realizar um novo levantamento para entender o perfil demográfico de moradores de uma determinada cidade.

Assim, os dados secundários otimizam recursos e tempo. Por outro lado, podem não entregar respostas tão precisas quanto os primários. 

Pode ser que agora você esteja se perguntando em que ocasião utilizar um ou outro, certo? Pois fique sabendo que não existe uma resposta definitiva para essa questão. Tudo vai depender do objetivo da empresa e do conhecimento que se pretende obter.

Por que levantar dados primários?

Até aqui você viu que os dados primários ajudam a levantar informações que não estão disponíveis em outras bases.

Além disso, eles também podem apresentar melhor o público de uma empresa. Assim, é possível segmentá-lo em grupos menores. E, com isso, dá para criar estratégias personalizadas e que dialoguem melhor com cada nicho.

Dessa forma, com os dados primários é possível:

  • entender o perfil e a frequência de compra do seu cliente;
  • quais recursos são priorizados pelo público em experiências individuais.

Informações como a que você viu acima são exclusivas para cada tipo de produto, empresa ou serviço. Sendo assim, não é possível encontrá-las na internet.

Dependendo do seu segmento de mercado, o público pode ter particularidades que sua empresa só vai descobrir por meio de pesquisas diretas.

Por fim, os dados primários ajudam também a identificar necessidades do cliente em relação ao mercado de atuação da empresa, bem como o serviço ou produto oferecido. Se você pensou em uma pesquisa de satisfação, esse é um ótimo exemplo!

Como utilizar os dados primários na tomada de decisão?

Até 2022, os dados serão ativos importantes e determinantes nas estratégias de negócios, influenciando diretamente nos resultados da corporação, de acordo com a Gartner.

Para as empresas, esse fenômeno traz uma nova realidade: a dificuldade crescente de alcançar bons resultados com base em suposições e especulações.

Agora, existem no mercado muitas ferramentas e soluções para ajudar gestores a executarem tarefas como:

  • coleta de dados primários e secundários;
  • tratamento de informações de diversas bases;
  • integração de bases de dados primários e secundários.

Os dados primários vão proporcionar um maior nível de inteligência de mercado a diversos setores na empresa. Pode ajudar desde a gestão administrativa ao setor de marketing e vendas.

Enquanto isso, os dados secundários podem oferecer uma visão mais completa do mercado e de indicadores úteis para o desenvolvimento do negócio de forma mais geral.

Qual o papel dos dados primários em áreas de vendas?

Nas áreas comerciais, os dados primários são fundamentais para que as equipes criem estratégias de abordagem e conversão mais eficazes.

Isso porque, com informações reais e condizentes com a realidade do cliente, o setor de vendas poderá “atacar” em dores mais específicas. Assim, se torna mais fácil entregar os resultados esperados, como o alcance das metas e o aumento da receita.

Em suma, a combinação dos dados primários e secundários fornece meios para a geração de insights inovadores e mais previsíveis. Isso porque eles apresentam informações reais sobre o mercado e o comportamento de compra do cliente.

Assim, os dados ajudam a otimizar o tempo e recursos investidos nos estudos de mercado.

Resumindo

Trabalhar com dados é fundamental para a sobrevivência das empresas. Sobretudo em setores comerciais, as equipes precisam bater metas mensais de desempenho.

O levantamento de dados primários é uma boa solução para melhorar a produtividade e os resultados das áreas de negócio. Isso porque eles entregam informações exclusivas sobre comportamentos de consumo, que podem gerar insights úteis.

Os dados secundários, por sua vez, são coletados de outras fontes. Por isso, não foram gerados para atender interesses específicos. Eles podem oferecer uma visão mais geral do mercado para estratégias pontuais do negócio.


Sobre a Cortex

Cortex é a empresa número 1 em soluções de inteligência para crescimento. Caso queira saber como ter insights mais ágeis e inteligentes na sua empresa, conheça o Cortex MI.

Ou, se tiver urgência, não perca tempo: agende uma conversa com a equipe de especialistas Cortex e descubra como otimizar o tempo dos times de inteligência.


Cadastre-se para receber nossos conteúdos do blog