Como criar um report integrado de reputação para o C-level

Como criar um report integrado de reputação para o C-level

Aprofunde seus conhecimentos profissionais com nossos artigos ricos e gratuitos.

Gestores e analistas de Comunicação e Relações Públicas enfrentam muitos desafios atualmente - como criar um report integrado de reputação que atenda aos anseios analíticos da alta hierarquia organizacional, por exemplo.

Esses profissionais precisam demonstrar com dados a tangibilidade dos resultados que ajudam o negócio a atingir, especialmente em termos de receitas geradas ou economizadas com a confiabilidade que ajudam a consolidar no mercado.

Neste blog post, apresentamos alguns caminhos que podem facilitar esse processo. Aqui, você vai ver:

  • como a integração de indicadores facilita o diálogo com os boards executivos;
  • quais são as particularidades de um relatório à altura dessa missão;
  • quais passos dar para gerá-lo e apresentá-lo da melhor maneira possível;
  • e muito mais.

Confira!

Por que é preciso integrar indicadores para falar a língua da alta gestão

Consolidar demonstrativos de ações e estratégias em parâmetros analíticos integrados costuma ser bastante desafiador para Comunicação e RP.

Isso porque essas áreas lidam cotidianamente com muitos públicos e, portanto, emitem e captam dados vindos de diferentes fontes.

Nem sempre esses departamentos são os detentores primários das informações. Por exemplo, eles precisam recorrer a Marketing e Vendas para coletar insumos informacionais de iniciativas de social listening.

Ao mesmo tempo, os profissionais envolvidos são cada vez mais demandados a apresentar insights fundamentados e que facilitem a tomada de decisões estratégicas.

Basicamente, precisam reunir informações qualitativas e quantitativas em uma linguagem à altura do esperado pelos executivos C-Level. 

Só assim conseguem obter e demonstrar:

  • amparo em dados atualizados e devidamente explicados;
  • objetividade, deixando de lado descrições subjetivas ou metafóricas;
  • indicativos financeiros claros e suficientemente convincentes para justificar investimentos;
  • entre outros objetivos.

É diante disso que a integração de indicadores se torna fundamental. Ela facilita decisões da alta hierarquia - entre outras frentes, possibilitando a avaliação de performance, auxiliando na análise de tendências, apoiando a melhoria contínua, estimulando a atuação proativa e dando transparência. 

→ Dê o play no vídeo a seguir e entenda por que os boards executivos esperam uma atuação altamente analítica dos profissionais de Comunicação:

Quais são as características de um report integrado

Para te mostrar com ainda mais clareza as características de um report integrado, vamos tomar como exemplo um demonstrativo de monitoramento de mídias, especialmente considerando que essa é uma atividade muito importante na gestão do legado reputacional de uma companhia. 

Neste caso, Comunicação e RP normalmente precisam demonstrar como está a exposição da marca.

Isso de maneira qualificada — por sentimento e protagonismo —, tangibilizando ações empreendidas para garantir visibilidade e reconhecimento dos stakeholders

Dentro dessa missão, um report integrado normalmente é elaborado a partir de análises:

  • descritivas, minerando grandes contingentes midiáticos e detectando onde e quando a marca foi mencionada dentro do período selecionado;
  • prescritivas, inferindo as consequências geradas pelas menções implícitas e explícitas à empresa e seu segmento de mercado;
  • diagnósticas, entendendo o peso que cada repórter ou veículo têm sobre a opinião pública;
  • e preditivas, entendendo se o tempo e o dinheiro aplicados atualmente no relacionamento com jornalistas trará resultados para o negócio no futuro. 

Em termos bem práticos

Esse tipo de relatório deve fornecer uma visão unificada dos diferentes públicos — imprensa, influenciadores, líderes de opinião e usuários comuns de redes sociais. 

Ademais, ele tem que ser baseado em metodologias avançadas. Por exemplo, na análise de comportamento dos algoritmos de diferentes plataformas do ecossistema midiático. 

Além, é claro, de fornecer evidências em tempo real — possibilitando identificar eventuais focos de crise, suas origens e tendências nos diferentes interlocutores do negócio e nas mídias, entre outras frentes. 

Por fim, um report integrado é aquele que proporciona autonomia e agilidade analítica para a tomada de decisão. Isso dos próprios times de Comunicação e RP, em primeira instância e, consequentemente, dos boards executivos.  

Nova call to action

Como criar um report integrado de reputação para o C-level

Confira, a seguir, alguns indicativos práticos de como criar um report integrado de reputação para ser apresentado à alta hierarquia da sua empresa.

Monitore a exposição da marca em tempo real

Use tecnologia avançada para obter a real dimensão de como a imprensa e as redes sociais estão falando da sua empresa. Além disso, observe como a concorrência está performando na mídia profissional e no debate coletivo online.

Acompanhe a reputação corporativa com KPIs

Monitore como cada pilar estratégico, veículo midiático, influenciador ou líder de opinião impacta a imagem da sua companhia. Faça isso tendo métricas e indicadores que realmente amparam análises profundas e demonstram resultados concretos. 

Faça benchmarking competitivo

Defina parâmetros e busque informações atualizadas para ver o que concorrentes e pares da sua empresa estão fazendo em termos comunicacionais. Dessa forma, seus relatórios terão ainda mais amplitude. 

Meça e comprove resultados de ações, campanhas e eventos

Veja como cada iniciativa da área performa tendo o planejamento estratégico como eixo fundamental. Aproveite as descobertas para defender investimentos e apresentar os retornos obtidos com eles

Antecipe-se às tendências de mídia e às bolhas de informação

Crie relatórios prescritivos monitorando as tendências midiáticas, sociais e de opinião pública. 

Além disso, decifre a movimentação das bolhas de informação e ideologia que podem impactar negativamente a empresa — ou revelar oportunidades de ampliação do diálogo. 

Capriche na apresentação do report

Garanta objetividade e fácil entendimento classificando as informações por ordem de importância. Para isso, tenha em mente o que é relevante para quem vai receber o relatório. 

É importante tomar o cuidado de evitar que seu report seja meramente um compilado de texto e dados estatísticos. Faça isso tornando-o visualmente agradável aos destinatários — inclusive para que as mensagens sejam melhor compreendidas e assimiladas.

Uma boa dica é usar o método Data Storytelling que facilita a estruturação de dados numéricos em forma de infográficos e anedotas. Ou seja, a transformação de dados “duros” em histórias/narrativas de fácil compreensão. 

→ Veja como a plataforma de Comunicação Estratégica e Reputação, da Cortex, vem ajudando os times de Comunicação e RP a gerir a imagem corporativa e criar reports para os boards executivos:

Comunicação Estratégica e Reputação: um olhar 360° sobre a nossa solução

Conseguimos te mostrar como criar um report integrado de reputação para o C-level?

Lembre-se de que a chave está na capacidade de integrar dados de diversas fontes e apresentá-los de forma clara e objetiva - e, acima de tudo, demonstrar como essas informações podem ser aplicadas para impulsionar a confiabilidade e o sucesso da empresa no mercado.

É preciso, portanto, utilizar tecnologia avançada e exercitar o poder analítico para monitorar a exposição da marca em tempo real, fazer benchmarking competitivo e mensurar resultados da forma mais tangível possível.

Do contrário, não tem como criar um report integrado de reputação que, de fato, atenda aos anseios da alta hierarquia. 


Sobre a Cortex 

A Cortex é a empresa número 1 em soluções de inteligência para crescimento. Caso queira saber como analisar sua reputação e dos concorrentes em todas as mídias online e offline com monitoramento integrado em tempo real, conheça nossa solução de Comunicação Estratégica e Reputação.

Ou, se preferir, não perca tempo: agende uma conversa com a equipe de especialistas Cortex e traga sua estratégia de comunicação para a era dos dados.

 


Artigos Relacionados