5 vantagens do uso de dados na comunicação na era digital

Aprofunde seus conhecimentos profissionais com nossos artigos ricos e gratuitos.

A comunicação na era digital trouxe novos parâmetros aos quais as empresas precisam se adaptar para se manterem competitivas no mercado.

Antigamente, tudo era mais fácil quando a estratégia de comunicação parecia trabalhar para um público só. As ações eram definidas com base na experiência profissional, em pesquisas de mercado simples e também na intuição.

Hoje, o mercado está cada vez mais competitivo e acelerado. Já não há espaço para errar. E, aos poucos, percebeu-se que o público-alvo das estratégias de comunicação é, na verdade, muito mais heterogêneo do que se pensava.

Nesse contexto, saber categorizar os clientes e orientar as ações estratégicas de forma eficaz e competitiva passa pela utilização de tecnologias sofisticadamente desenvolvidas a partir de inteligência artificial e análise de dados!

Neste conteúdo, traçamos as principais transformações impulsionadas pela análise de dados nas estratégias das empresas, além de 5 mudanças geradas pela apropriação da tecnologia para orientar a comunicação na era digital. Vem com a gente!

Transformações da estratégia de comunicação na era digital

Atualmente, os canais de interação, que são os pontos de contato entre o público e a marca, baseiam-se no comportamento dos usuários para orientar as estratégias de comunicação. Esse comportamento pode ser traduzido em registros devidamente documentados: os dados.

Em um cenário em que tanto os dados internos, produzidos pela empresas, quanto os dados externos são tão volumosos, as empresas precisam utilizar esses ativos valiosos para orientar a estratégia de atuação. Seja para definir a linguagem utilizada em mensagens ou as interações com o público.

A performance da marca também pode ser medida. Os resultados dos seus investimentos são comprovados a partir de análises de métricas e de indicadores de desempenho. Para isso, é possível mapear a reputação da marca, seja em redes sociais, ou em mídias tradicionais, como a imprensa. Afinal, o bom desempenho está relacionado com a satisfação do cliente e, consequentemente, com a reputação pública da marca.

Todos esses fatores mostram que a comunicação na era digital se tornou dependente de dados para atingir os seus objetivos. Em tempos de transformação digital, portanto, a única maneira de se manter alinhado às múltiplas tendências da nossa era é trabalhar com tecnologias de inteligência de dados. Mas como chegamos até este cenário?

Da comunicação de massa à estratégia de comunicação analítica

A primeira consequência natural da globalização digital foi a segmentação dos públicos. Veio, em seguida, o surgimento de milhares de novos canais. Com isso, a estratégia de comunicação empresarial teve que desenvolver habilidades novas, principalmente para lidar com essa combinação explosiva de públicos e canais.

Mas como realizar essa comunicação com qualidade frente a tantos novos perfis, interesses, linguajares e mídias?

O fato é que não há como se falar de uma estratégia de comunicação eficiente e eficaz sem falar em gestão e análise de dados.

A estratégia de comunicação baseada em dados

A comunicação moderna não pode mais se basear em “achismos”. Suas estratégias devem ser orientadas por argumentos sólidos e pautados por dados reais, coletados do maior e mais variado número de fontes. Leia o e-book completo sobre como os dados podem gerar inteligência para as empresas para aprofundar mais o conhecimento sobre o tema.

Portanto, a comunicação deve trabalhar com informações que:

  • traduzam a opinião do público;
  • meçam o impacto das notícias na reputação da marca;
  • apontem os principais veículos e jornalistas influenciadores de um produto; e
  • conectem informações espalhadas gerando indicadores de desempenho (KPIs).

Mas isso não é tudo. A estratégia de comunicação empresarial também deve acompanhar as mídias tradicionais, sociais, online, offline e ser capaz de trabalhar com todas as informações disponíveis.

A boa notícia é que, apesar de estarmos falando de um universo gigantesco de dados, estamos também falando das novas tecnologias disponíveis na comunicação da era digital.

Ou seja, com a ajuda de softwares inteligentes é possível lidar com todas essas informações de maneira rápida e fácil. É simples até para os profissionais que eventualmente tenham alguma dificuldade em lidar com números ou análises. A plataforma Cortex PR, por exemplo, já é pré-configurada, o que garante uma rápida implantação e possui design intuitivo para qualquer usuário poder utilizá-la.

5 vantagens do uso de dados nas estratégias de comunicação digital

Dados apontam onde, como, quando, por que, quem e quanto. Basta tê-los reunidos em uma única base e estruturados com inteligência.

Naturalmente, também é altamente recomendado que a manutenção de um banco de dados seja constante. De preferência, em tempo real, porque geram benefícios para o negócio como um todo.

Vejamos, por fim, as 5 principais vantagens de uma comunicação baseada em dados para a empresa.

1. Melhora o ROI da comunicação e impacta o negócio

Todo empreendedor deseja incrementar seus indicadores de ROI (return of investment, retorno de investimento, em tradução livre). Quanto melhor for o gerenciamento dos dados, mais chances a estratégia de comunicação terá de elaborar campanhas de sucesso e trazer retorno para sua área.

Qual sentido de acompanhar números de menções na mídia, o impacto das publicações ou as mídias onde saíram tais publicações, se o retorno dessas ações não for conhecido?

2. Mostra a eficácia da estratégia de comunicação

O número de menções na mídia não diz tudo. Por exemplo, é importante saber quantas dessas menções estão realmente promovendo seu produto ou marca.

  • E quanto ao alcance das suas publicações, você sabe se ele tem respondido positivamente aos seus esforços de comunicação?
  • E esse alcance tem tido impacto positivo, neutro ou negativo sobre sua empresa??
  • Será que você está investindo nas mídias que vão promover sua marca da melhor forma?
  • Você sabe quais mídias geraram mais impressões para sua marca nos últimos meses?

São muitas as perguntas que podem ser respondidas para se comprovar uma estratégia de comunicação realmente eficaz.

3. Aumenta a projeção interna da área de comunicação

Saber o quanto cada ação contribui para a reputação da marca é fundamental para conseguir elaborar estratégias mais assertivas, melhorar seus resultados e garantir internamente o reconhecimento do valor que a comunicação agrega ao negócio.

Sua estratégia de comunicação já é baseada em dados? O momento é cada vez mais propício.

4. Melhora o poder de antecipação e a capacidade preditiva das empresas

A análise de dados com tecnologia de inteligência artificial permite que o software aprenda a trazer respostas esperadas a situações específicas a partir de padrões e combinação de dados.

É dessa análise que surge a capacidade preditiva da ferramenta. É por meio dela que a empresa pode se antecipar a problemas e consegue prever a eficácia dos insights e soluções gerados pela análise de dados.

Dessa forma, a empresa ganha autonomia para realizar ações e tomar decisões a partir de orientações eficazes e preditivas. É de fundamental importância a aquisição desse suporte tecnológico para a marca ter a capacidade de prever crises e tomar as melhores decisões diante delas, seja relativas à comunicação ou outra área estratégica.

5. Melhora substancialmente os lucros e saúde financeira

A capacidade de realizar ações influenciadas pela capacidade preditiva e automatizada de softwares inteligentes têm impacto positivo direto na saúde financeira da empresa.

Economiza-se em várias frentes, como por exemplo:

  • na antecipação de problemas;
  • no aumento da eficácia das decisões tomadas;
  • na rapidez dos processos, pois a inteligência artificial gere os dados com maior efetividade que a inteligência humana;
  • e no custo de aquisição do cliente (CAC), pois ações orientadas por dados melhoram os indicadores de retenção.

Uma gestão de reputação a partir de estratégias de comunicação bem feitas, com interações certas e no timing correto, repercute diretamente na melhor experiência do público com a marca. Os dados são a ponte que conecta as ações de comunicação da empresa com as demandas do público.

Ferramentas para implementação de automação de dados

Existem ferramentas, como o Cortex PR, que atuam para ajudar empresas que buscam protagonismo no mercado por meio de soluções inteligentes para a estratégia de comunicação e de negócios como um todo.

Com ele, é possível visualizar um quadro claro e completo da atuação da empresa junto aos stakeholders, tanto nas mídias sociais quanto nas tradicionais, e assim ter um acompanhamento em tempo real de seus indicadores.

A transformação da comunicação na era digital é um tema fascinante, não é? Se você tem interesse em aprender mais sobre tecnologias que impulsionam uma marca, converse com um especialista da Cortex.

Resumindo…

O uso de dados é essencial como suporte para as estratégias de comunicação na era dos dados. Elencamos neste conteúdos 5 motivos que fundamentam a importância do data science nesse contexto:

  • Melhora o ROI da comunicação e impacta o negócio;
  • Mostra a eficácia da estratégia de comunicação;
  • Aumenta a projeção interna da área de comunicação;
  • Melhora o poder de antecipação e a capacidade preditiva das empresas;
  • Melhora substancialmente os lucros e saúde financeira.

Gostou do conteúdo? Continue acompanhando o blog para você ficar por dentro de todas as inovações relativas à nova era da comunicação. Até a próxima!

Sobre a Cortex

A Cortex é a empresa número 1 em soluções de inteligência para crescimento. Caso queira saber como analisar sua reputação e dos concorrentes em todas as mídias online e offline com monitoramento integrado em tempo real, conheça a Cortex PR.

Ou, se preferir, não perca tempo: agende uma conversa com a equipe de especialistas Cortex e traga sua estratégia de comunicação para a era dos dados.

press release

Cadastre-se para receber nossos conteúdos do blog